Suspensão do uso de radar móvel

16/08/2019 04/09/2019 13:41 21 visualizações

NOTA SOBRE SUSPENSÃO DO USO DE RADARES NAS RODOVIAS

O Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais no Estado do Tocantins vem a público demonstrar sua preocupação com a medida tomada pelo presidente Jair Bolsonaro através de despacho presidencial, conforme Diário Oficial da União de ontem, 15 de agosto.

Cabe acrescentar que a suspensão imediata sem qualquer estudo técnico pode acarretar drástico aumento de acidentes de trânsito e, consequentemente, elevação de número de mortos. As sequelas podem ser irreparáveis.

Por outro lado, este sindicato não pode se furtar em sair na defesa dos agentes, pois são estes policiais que diuturnamente atuam na defesa e interesse dos usuários das rodovias, inclusive em fiscalizações com radares móveis, pois o controle da velocidade é um importante aliado na redução de acidentes.

Os Policiais Rodoviários Federais, ao realizarem a fiscalização de controle de velocidade, o fazem em pontos estratégicos e ostensivamente, depois de prévio estudo de locais vulneráveis, com o objetivo de coibir abusos. Portanto, o uso adequado do radar é uma ferramenta imprescindível para a manutenção da ordem nas rodovias, até mesmo pelo fato da missão de todos os PRF ser a garantia da segurança com cidadania nas rodovias e estradas. 

A Diretoria